NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

sexta-feira, 3 de junho de 2011

RESULTADOS DA VISITA DE DOM MARIANO MANZANA A COMUNIDADE JERUSALÉM

     Bem Meus Amigos,
     Estou postando a vocês fotos da visita de Dom Mariano Manzana (Bispo de Mossoró) a comunidade do Sítio Jerusalém em Maio de 2011. Agradecemos a todos que estiverem presentes a este evento e que para a comunidade foi uma honra em poder recerber e participação deste ato de fé em nosso município.

Boas Vindas ao Bispo Dom Mariano Manzana

Assinatura do Bispo no Comitê de Recepção

Bispo Dom Mariano Manzana

Comunidade presente

Saudações ao Bispo

Bispo com a Comunidade Jerusalém

Comitê de Recepção Recebendo Dom Mariano na Escola

Comitê de Recepção Recebendo Dom Mariano na Escola

Comunidade Dando Boas Vindas ao Bispo
Sec. de Educação de Itaú/RN,  Alunos  e Comunidade Presentes

 Orações na Comunidade

Dom Mariano com a Comunidade Presente

Padre Erivon Maia Falando a Comunidade
Comunidade Saudando Dom Mariano na Escola
      Agradecemos a todos os presentes por esta realização em nossa comunidade. O nosso muito obrigado.
       
           
 HISTÓRICO DA COMUNIDADE JERUSALÉM


   
Segundo moradores antigos da comunidade destacam que o Sítio Jerusalém formou-se no século XIX, quando alguns agricultores passaram a desenvolver a prática agrícola no local. O nome Jerusalém foi batizado por um dos moradores daquela época por nome de Rafael.
 As famílias que moravam aqui no Jerusalém, no início da sua formação sempre tiveram na agricultura a sua fonte econômica, vivendo harmoniosamente.
As diversões aconteciam de forma simples, mais que eram de grande importância para a comunidade, dentre elas podemos citar: apresentação de bonecos, que hoje são chamados de mamulengos ou fantoche, debulha de feijão e forró ao som do sanfoneiro, que acontecia nas casas das famílias na época das debulhas do feijão.
A comunidade se reunia para ajudar uns aos outros para debulhar o feijão e isso acontecia ao som do sanfoneiro para animar a todos que estavam ali a trabalhar.
Com o passar dos anos ocorreu o êxodo rural ocasionado por fatores diversos, entre eles a seca, levando alguns moradores a saírem da comunidade Jerusalém a migrarem para a sede do município de Itaú e/ou outras cidades do nosso país. Vale salientar que boa parte das famílias que vivem na sede do município de Itaú tiveram suas origens aqui na comunidade do Sítio Jerusalém.
Atualmente aqui no Sítio Jerusalém vive 18 famílias, a base da economia da comunidade continua sendo a agricultura. A base fundamental de subsistência de boa parte da população tem no setor primário como base da economia local. Na realidade, essa atividade é bastante rudimentar, de baixo padrão tecnológico, em que os agricultores ainda utilizam as mesmas técnicas realizadas pelos seus remanescentes.
         Os produtos de grande destaque na produção agrícola da comunidade é o cultivo do feijão, mandioca, milho, além de outros produtos agrícolas com pequena produção como: arroz, batata-doce, jerimum, melão, macaxeira, entre outros.
         Na educação, no passado as aulas aconteciam na casa de um morador que cedia um galpão para as aulas serem ministradas. Hoje a comunidade conta com esta unidade de ensino, a Unidade I – PROFESSORA MAZINHA.
Teve início em 1977, tendo como primeira diretora a Senhora Olívia Pinheiro Maia Fernandes. A primeira professora foi a Senhora Maria Cilene Maia. Atualmente a escola tem como professoras Rosângela Ferreira de Melo e Vagana Cristina Gurgel Freire, funcionando nos turnos matutino com o Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) e no turno noturno funciona a Educação de Jovens e Adultos – EJA do Programa Brasil Alfabetizado. A escola possui um total de __18__ alunos.
Após conclusão do 5º ano do Ensino Fundamental os alunos tem apoio do governo municipal para se deslocarem até a zona urbana para continuar seus estudos.
Na comunidade existem algumas personalidades que vivenciaram o crescimento da comunidade Jerusalém como: Sr. Adelson Passarim, Sr. Chiquito, Professora Mazinha, entre outros que repassam à história da comunidade as gerações mais jovens. Sempre são convidados para falarem a respeito do assunto na escola e em eventos realizados pela comunidade.
            Na fala de todos eles, sempre ressaltam a importância da escola na vida do ser humano e testemunham a falta que o estudo faz na vida deles e aconselham que todos estudem, pois hoje existem muitas facilidades para tanto. Na época deles não tinham oportunidade de estudar, pois tinham que trabalhar para ajudar no sustento da família.
            Existe na comunidade uma Árvore centenária – o BAOBÁ – conhecida por todos por a barriguda, árvore que instigou o poeta a escrever o romance “O pequeno Príncipe”. A árvore é visitada por muitas escolas da cidade e das cidades vizinhas para apreciação, conhecimento e conservação da natureza.
         Na comunidade possui um agente de saúde que visita constante as 18 famílias, repassando informações inerentes à área da saúde.
         A maioria das famílias que aqui residem denominam-se católicos e participam das celebrações na Paróquia de Nossa Senhora das Dores na sede do município de Itaú.
         Contamos com o apoio da senhora Rosângela Maria de Oliveira catequista na comunidade, se reúnem com as crianças aos domingos. Em 2010 formou uma turma da 1ª Eucaristia, e já estar formando uma nova turma, como também preparando uma turma para a crisma.                                                                                
         Essa é a realidade da comunidade do Sítio Jerusalém que com muito orgulho e satisfação recebe hoje a visita de Dom Mariano Manzana e equipe diocesana de Mossoró.

        
Fonte: Projeto Conte Sua História, Secretaria Municipal de Educação de Itaú/RN. Dezembro de 2010.

Postado Por Márcio Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.