NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Prefeitura faz ‘gato’ em iluminação pública e população do Conjunto Miguel Brito fica no escuro em Campo Grande, RN


Conjunto Miguel Brito de Melo, popularmente conhecido como Conjuntos dos Pescadores, na cidade de Campo Grande, localizado no interior do Estado do Rio Grande do Norte, necessitava de iluminação pública. Há quase dois meses, os moradores acreditaram que o problema estava resolvido: a Prefeitura deu o aval para a instalação da iluminação. Porém, a alegria durou pouco. Nesta quarta-feira 30, a Companhia Energética do Rio Grande do Norte (COSERN) desligou toda a instalação, após detectar que uma rede clandestina, vulgo “gato de energia”, foi instalada no local.

No dia 10 de julho, o prefeito de Campo Grande, Manoel Veras, publicou matéria através de assessoria mostrando o conjunto todo iluminado e comemorou o feito. "Nossa ideia é fazer um investimento na melhoria da qualidade de iluminação na cidade inteira aos substituindo as de vapor de sódio. Além disso, estamos pensando no futuro, principalmente com essa questão da crise enérgica, com aumento do custo de energia, a tendência é substituir todas as lâmpadas por LED pois além de serem mais eficientes proporcionam mais segurança com uma iluminação de maior qualidade." Finalizou o Prefeito Manoel Veras.

Para os moradores, a COSERN confirmou que foi identificada uma rede clandestina no Conjunto Miguel Brito de Melo e uma equipe foi ao local remover a instalação no dia 30 de agosto. A empresa ressalta que as ligações irregulares podem causar curto-circuito e sobrecarga na rede elétrica, resultando em interrupção no fornecimento de energia.

Além de ser crime, o furto de energia afeta diretamente a qualidade do serviço prestado pela distribuidora e põe em risco a população, principalmente as pessoas que manipulam a rede elétrica, ainda de acordo com informações, a Prefeitura de Campo Grande poderá pagar uma multa pelo ”gato” feito na iluminação pública.



* Icém Caraubas Com informações e fotos: CG na Mídia


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.