NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Lei Geral da Copa obedece à Fifa, limita meia-entrada e libera bebida alcoólica nos estádios

 

Relatório está pronto mas deverá ser votado apenas na próxima terça-feira (13)


O deputado Vicente Cândido (PT-SP) apresentou nesta terça-feira (6) o relatório para a Lei Geral da Copa. E ele veio sob medida aos interesses da Fifa. Os pontos mais controversos, como a venda de bebidas alcoólicas e a liberação da meia-entrada, acabaram sendo moldados para não prejudicar os interesses da entidade máxima do futebol.

Vicente Cândido também acabou cedendo à pressão da Fifa pela liberação da venda de bebidas alcoólicas. O deputado incluiu na Lei Geral da Copa uma alteração ao Estatuto do Torcedor para que seja permitida a venda e o consumo, mas apenas em bares e restaurantes localizados nos estádios de futebol.
A alteração na lei acontece em momento delicado para o presidente da CBF e do COL, Ricardo Teixeira, e vem a calhar com a nova organização do Comitê Organizador Local. Acusado de cometer crimes no Brasil e no exterior, o cartola está sob a mira da Polícia Federal e da Fifa. João Havelange, ex-sogro de Teixeira, também está sendo investigado e renunciou na terça-feira (5) à vaga de membro do COI (Comitê Olímpico Internacional).

Em uma manobra para tirar os holofotes da Copa sobre si, Teixeira, anunciou o ex-jogador Ronaldo como membro do conselho de administração do COL. Ronaldo mantém contratos de patrocínio com a mesma empresa que produz a cerveja que será vendida pela Fifa durante a Copa.

leia a reportagem completa no R7.Com


Fonte: R7
Por Márcio Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.