NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Chapecoense perde a cabeça, é presa fácil para o Nacional e se complica na Libertadores


As expulsões de Luiz Otávio e Rossi por atitudes agressivas e o uniforme intacto do goleiro Conde ao término dos 90 minutos ajudam a decifrar a razão da Chapecoense ter sido presa são fácil no Parque Central, em Montevidéu.
O Nacional não demonstrou um primor de futebol. Longe disso, na verdade. Mas fez o suficiente para fazer 3 a 0, nesta quinta-feira, pela quarta rodada do Grupo 7 da Libertadores. Os uruguaios até fizeram uso da tão falada catimba. O resultado, construído com gols de Ramirez, Aguirre e Viudez, porém, foi conquistado por terem conseguido fazer algo que os ansiosos brasileiros raramente conseguiram em Montevidéu: colocar a bola no chão.



* GE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.