NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Em abril, procuradores e promotores do MPRN receberam média de R$ 90 mil além do salário

ministério público do rio grande do norte, procuradoria geral de justiça (Foto: Divulgação/Ministério Público do RN)

Duas resoluções, publicadas em abril e março deste ano, permitem que funcionários do Ministério Público e do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte recebam como remuneração férias e licenças não tiradas.
Só em abril, o MP gastou R$ 19 milhões extras com o pagamento de 210 promotores e procuradores de justiça. Já o TJ, remunerou da mesma forma 754 servidores a um custo de R$ 27,8 milhões. As informações estão no Portal da Transparência.


Continue Lendo AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.