NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Em nova pesquisa CNT/MDA, Dilma vence Marina em simulação do 2º turno

28.set.2014 - Candidatas Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSDB) participam do debate organizado pela TV RecordA presidente Dilma Rousseff (PT) aumentou a vantagem sobre a candidata Marina Silva (PSB) no primeiro turno da disputa presidencial em 2014 e, pela primeira vez, venceria a adversária no 2º turno, aponta pesquisa encomendada pela CNT (Confederação Nacional dos Transportes) junto ao instituto MDA e divulgada nesta segunda-feira (29).

Segundo informações divulgadas pelo jornal Folha de S.Paulo, no 1º turno Dilma obteve 40,4% das intenções de voto, um crescimento de 4,4 pontos percentuais em relação à pesquisa anterior. Marina aparece agora com 25,2%, contra 27,4% da semana passada. As duas são seguidas pelo tucano Aécio Neves, que subiu de 17,6% para 19,8%.
Na simulação do segundo turno, Dilma aparece com 47,7% das intenções de voto, enquanto Marina tem 38,7%. Na rodada anterior, divulgada há uma semana, a petista tinha 42% dos votos contra 41% da ex-ministra do Meio Ambiente, considerado um empate técnico.
Em um possível 2º turno entre Dilma e Aécio, a vantagem petista também está maior: 49,1% contra 36,8% (na pesquisa anterior, a petista tinha 45,5%, e o senador tucano tinha 36,5%).
Ainda no primeiro turno, os votos brancos e nulos somaram 5,9%. Não sabem em quem votar ou não responderam correspondem a 6,4% dos entrevistados. Houve queda em ambos os casos.
A pesquisa CNT/MDA também perguntou sobre a rejeição de cada um dos candidatos. No caso da presidente Dilma, 41,1% dos entrevistados não votariam nela de jeito nenhum. Marina é rejeitada por 42,5% dos eleitores, e Aécio, 42,6%
A pesquisa foi realizada entre os dias 27 e 28 de setembro com 2.002 eleitores, registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o código BR-00892/2014. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais. A pesquisa anterior foi feita entre os dias 20 e 21 de setembro de 2014.
 
* Bol Com informações da Folha de S.Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.