NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quarta-feira, 30 de março de 2016

Messi se aproxima do gol 500, Argentina vence Bolívia e embala nas eliminatórias

Messi gol Argentina
A atual vice-campeã mundial, enfim, se impõe a nível continental. Na noite desta terça-feira, a Argentina venceu a Bolívia por 2 a 0, em Córdoba, e embalou o terceiro triunfo consecutivo nas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018. De quebra, a alviceleste ainda viu Lionel Messi se aproximar de mais uma marca importante na vitoriosa carreira.

Autor do segundo gol argentino, no qual ‘espantou a zica' das cobranças de pênalti, o craque do Barcelona chegou a 499 gols na carreira como jogador profissional. O 500 pode vir no sábado, quando o clube catalão recebe o grande rival Real Madrid, no Camp Nou, pelo Campeonato Espanhol.
Além de Messi, outro nome apareceu para o torcedor alviceleste nesta terça-feira. O lateral-direito Gabriel Mercado, responsável por dar a vitória à Argentina na última semana contra o Chile, voltou a balançar as redes. O jogador do River Plate, seguro defensivamente e oportunista no ataque, ganha ainda mais espaço no time titular.
A combinação do craque com o iluminado deixa a Argentina em posição confortável depois de seis rodadas. O início ruim ficou no passado, e o atual vice-campeão continental já figura na zona de classificação para o Mundial da Rússia. São 11 pontos somados e a terceira colocação.
Em contrapartida, a Bolívia se afasta completamente do sonho de brigar por uma vaga no Mundial de 2018. A equipe do técnico Julio Cesar Baldivieso soma apenas três pontos após seis jornadas; apenas a Venezuela, com um, possui campanha pior nesta primeira parte das eliminatórias.
O iluminado
Mercado comemora depois de abrir o placar para a seleção argentina em Córdoba
Poucos jogadores ganharam tanto espaço no cenário sul-americano quanto Gabriel Mercado. Titular do River Plate-ARG, o lateral-direito agora pode adotar a mesma nomenclatura ao abordar a sua situação com a concorrida camisa da seleção comandada por Gerardo Martino.
Em apenas quatro jogos com os trajes alviceleste, Mercado anotou dois gols. O primeiro garantiu o 2 a 1 contra o Chile, na semana passada. O segundo abriu o caminho para a terceira vitória consecutiva da Argentina nas eliminatórias.
Aos 19min, Messi cobrou falta rápido e lançou Gonzalo Higuaín na área. O camisa 9 encobriu o goleiro, mas viu a defesa salvar em cima da linha.
Para sorte do centroavante da Argentina, a bola voltou nos pés do centroavante do Napoli, que apenas rolou para um bem colocado Mercado abrir o marcador. Festa em Córdoba e do novo lateral titular da bicampeã mundial.
Maior da história? Quase
Fora o fato de se aproximar do gol 500 da carreira, Messi parece cada vez mais destinado a se tornar o maior artilheiro da história da seleção argentina.
O gol de pênalti assinalado aos 29min deixou Messi com 50 gols na carreira como atleta da alviceleste. Agora são apenas seis de diferença em relação a Gabriel Batistuta, o grande goleador do país.
Próximo desafio
Agora embalada por três triunfos consecutivos na competição, a Argentina irá encarar o clássico contra o Uruguai, líder das eliminatórias, em Buenos Aires. O jogo seguinte será contra a Venezuela, fora de casa. Ambos os duelos ocorrerão na primeira semana de setembro.
A Bolívia, já destinada ao papel de figurante na competição, recebe o Peru e viaja até Santiago para encarar o Chile.
* MSN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.