NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Com três gols nos minutos finais, Lusa e Bragantino empatam em Bragança

Portuguesa e Bragantino deixaram a emoção para o segundo tempo, especialmente para os minutos finais do jogo disputado na noite desta terça-feira, no estádio Nabi Abi Chedid. O time anfitrião abriu o placar, viu a Portuguesa virar, mas já nos acréscimos conseguiu o gol que ao menos lhe garantiu o empate de 2 a 2, em duelo que abriu a terceira rodada da Série B.

Com o resultado, as duas equipes seguem invictas na competição: o Bragantino com cinco pontos, agora temporariamente na liderança, e a Portuguesa com dois, lembrando que ela tem apenas dois jogos na tabela, já que deixou o campo na rodada inicial após ordem judicial.
Quando Léo Jaime recebeu dentro da área e finalizou para quase abrir o placar no Nabi Abi Chedid, logo aos 2min, deu-se a impressão de que o duelo entre Bragantino e Portuguesa seria bastante movimentado e com diversas chances de gol. Mero engano. Foi o primeiro e (praticamente) único lance de real perigo na etapa inicial.
"A gente tem que acertar mais passes. Estamos errando muito na transição defesa-ataque. O jogo está duro e a Portuguesa está marcando bem também", disse Tássio, do Bragantino, na saída para o intervalo. "Eles estão esperando, bem fechados na defesa. Se forçarmos mais um pouco podemos conseguir o resultado", respondeu Gabriel Xavier, da Lusa, ao Premiere FC.
A história mudou no segundo tempo. Não muito, mas o suficiente para mais chances serem criadas e, desta forma, sair o primeiro gol da partida. Foi aos 21min. Em rápido contra-ataque, Pará foi carregando a bola pelo meio até a área, até tocar para Luisinho, que deu um toque por cima do goleiro e mandou no travessão. Mas no rebote, Gustavo não perdoou. 1 a 0.
Restava à Portuguesa partir para cima, e foi o que ela fez. E aos 38min, os comandados de Argel conseguiram chegar ao empate. O time rubro-verde aproveitou rebote de escanteio, jogou na área e viu Romão desviar de cabeça para as redes. Tudo igual. E aos 44min, veio o gol da virada. Romão ajeitou de ombro após cruzamento e deixou Coutinho livre para marcar.
Porém, quando a vitória rubro-verde parecia certa, o Bragantino encontrou forças para reagir, e aos 47min, após falta cobrada para dentro da área e muita confusão, Guilherme Mattis conseguiu finalizar e mandou para as redes. 2 a 2, placar final no Nabi Abi Chedid.
Fonte: Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.