NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

domingo, 30 de agosto de 2015

VASCO AFUNDA DE VEZ AO TOMAR GOL NO FIM CONTRA O FIGUERENSE

Marcão dá vitória ao Figueirense no fim e afunda Vasco no Maracanã

* MSN - O Vasco caminha a passos largos para a segunda divisão. No Maracanã, mais uma vez o time decepcionou a torcida e, com um gol nos acréscimos, perdeu para o Figueirense.

Os catarinenses vão a 26 pontos e respiram foram do Z4, enquanto os cariocas tem apenas 13, em último lugar. Há sete jogos sem vencer no Brasileiro, o quadro parece irreversível. 
Vasco tenta tomar a iniciativa
O Vasco tomou a iniciativa no início da partida. Foi ofensivo com a bola nos pés e, sem ela, tentava marcar a saída de bola para dificultar a vida do adversário. 
O Figueirense, que jogava fechado, quase surpreendeu o adversário aos 18. Após grande jogada de Dudu, Clayton teve grande chance de marcar na área, mas chutou mal demais. 
O Cruz-Maltino chegou com perigo pela primeira vez aos 25. Após erro na saída de bola do rival, Rafael Silva ficou com a bola e bateu no canto, para boa defesa de Alex. 
Muralha foi ainda mais gigante aos 39. Após cobrança de escanteio da direita, Anderson Salles desviou e o goleiro fez uma grande defesa para evitar que a bola entrasse. 
Drama segue até o fim
Jorginho tirou no intervalo Riascos para colocar Andrezinho. No segundo tempo, a torcida tentava empurrar um time com muitas dificuldades em vencer a defesa rival. 
Thalles, que entrou no lugar de Jean Patrick (Serginho foi para a lateral) teve grande chance aos 21. O atacante recebeu na área, mas demorou demais e deixou a zaga chegar. Aos 24, Rafael Silva voltou a parar em Alex Muralha. 
O emocional jogava contra. A cada gol perdido, a cada minuto que passava, a torcida se irritava ainda mais, e o time ia junto. O final de jogo foi dramático: o Vasco tentava pressionar, mas deixava muito espaço atrás. 
O filme do jogo contra o Coritiba se repetiu. Nos acréscimos, o Alvinegro arrancou no contra-ataque e Marcão, na cara do gol, mandou para a rede, aliviando os catarinenses, e afundando os cariocas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.