NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

terça-feira, 28 de julho de 2015

Pai com HIV mantinha relações sexuais com a filha e responderá por lesão corporal


* R7 - Um homem de 39 anos foi autuado por lesão corporal qualificada na delegacia de Valença (91ª DP), no sul do Estado do Rio. Segundo a Polícia Civil, ele é portador do vírus HIV e mantinha relações sexuais com a filha, de 19 anos, há cerca de um ano. 

Pai e filha foram abordados pela Polícia Militar quando estavam nus, prestes a iniciar uma relação sexual, dentro de um carro em Conservatória, distrito da cidade de Valença. Ao atender o pedido de se vestir e sair do veículo, a jovem afirmou que era filha do homem.
Na delegacia, ela afirmou que as relações eram consensuais. Com a chegada da mãe da jovem, que ainda é casada com o homem, os policiais descobriram que ele é portador do vírus HIV. A mulher contou aos agentes que foi contaminada antes do marido descobrir que portava o vírus.
Já a filha do casal afirmou que soube da doença do pai há cerca de um mês, e continuou a manter relações sexuais sem preservativos, eventualmente. 
Segundo o delegado Bruno Gilaberte, o homem assumiu o risco de contagiar a filha, já que ele sabia que era portador e já havia contaminado uma pessoa. O suspeito irá responder por tentativa de "lesão corporal qualificada causada por enfermidade incurável", com pena de até oito anos de reclusão.
— Entendeu-se que ele agia, no mínimo, com dolo eventual. Ele não tinha domínio desse fato, do contágio da doença, se ia ou não transmitir.
O resultado preliminar do exame realizado pela jovem no Hospital Escola de Valença constatou que ela não foi contaminada pelo vírus HIV. Gilaberte afirma que apesar de não ser "100% correto" já é uma visão do resultado final, que sairá apenas com o laudo completo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.