NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quinta-feira, 30 de agosto de 2012



O valor dos imóveis que podem ser adquiridos dentro do Minha Casa, Minha Vida foi ampliado e o valor da parcela mínima a ser paga pelo consumidor caiu. Com a alteração, o consumidor que contava com subsídios do programa para comprar imóveis de até R$ 52 mil em Natal poderá contratar imóveis de R$ 61 mil e, no interior, o valor passou de R$ 48 mil para R$ 57 mil. As mudanças foram anunciadas ontem, em portaria publicada no Diário Oficial da União.

As novas regras valem para a faixa 1 – famílias com renda de até R$ 1,6 mil/mês – e entram em vigor em setembro somente para os novos beneficiários do programa. Para quem já havia contratado o financiamento não há, por ora, alteração. De acordo com o superintendente da Caixa Econômica Federal, Roberto Linhares, a ampliação do teto dá novo fôlego tanto para os mutuários, como também para as construtoras que passam a contar com um incremento de até 18% do valor que antes recebiam do governo.
Fonte: Agência Brasil via O Mural de Riacho da Cruz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.