NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

domingo, 27 de setembro de 2015

Grêmio resolve o jogo no primeiro tempo e bate o Avaí com dois de Giuliano

Resultado de imagem para vitoria do gremio sobre o avai na noite de ontemO Grêmio fez o dever de casa. Neste sábado (26), venceu o Avaí com certa facilidade. Controlou o jogo desde os 10 minutos da primeira etapa e aos 23 já tinha placar sólido. Com dois gols de Giuliano e um golaço de Maxi Rodríguez no segundo tempo, o time gaúcho fez 3 a 1 e ficou apenas um atrás do vice-líder do Brasileirão, o Atlético-MG. 

Mais do que isso, o Tricolor manteve distância segura em relação aos que estão fora do grupo de classificação para a próxima Libertadores. Está (com um jogo a mais) nove pontos distante do São Paulo, o quinto colocado. E agora faltam 10 partidas. 
 
Enquanto isso, o Avaí só não está ao alcance da zona de rebaixamento porque o Goiás perdeu para o Fluminense por 2 a 0. Ou seja, o time catarinense, com 32 pontos irá se manter fora da degola por mais uma rodada. 
 
Giulino foi destaque absoluto da partida. Capitão do time nas ausências de Maicon, Pedro Geromel e Marcelo Oliveira, o meia fez dois gols em que cumpriu o principal pedido de Roger Machado: entrou na área. No segundo tempo, o Avaí descontou com André Lima, que não comemorou por sua ligação com o Tricolor. E por fim, Maxi Rodríguez fez um golaço que deu números finais ao duelo.
 
GRÊMIO 3 X 1 AVAÍ
 
Data: 26/09/2015 (Sábado)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza 
Auxiliares: Rogerio Pablos Zanardo  e Vicente Romano Neto
Renda: R$ 420.226,00
Público: 15.164 (Total)
Cartões amarelos:  Claudinei (AVA), Emerson (AVA), Eduardo Neto (AVA); Edinho (GRE);
Gols: Giuliano, do Grêmio, aos 12 minutos do primeiro tempo; Giuliano, do Grêmio, aos 23 minutos do primeiro tempo; André Lima, do Avaí, aos 20 minutos do segundo tempo; Maxi Rodríguez, do Grêmio, aos 30 minutos do segundo tempo;
 
GRÊMIO
Marcelo Grohe; Galhardo, Erazo, Bressan e Marcelo Hermes; Walace, Edinho, Giuliano e Luan (Moisés); Bobô (Maxi Rodríguez) e Pedro Rocha (Everton).
Técnico: Roger Machado
 
AVAÍ
Vágner; Nino Paraíba, Antônio Carlos, Emerson e Romário; Claudinei, Eduardo Neto, Rudinei (Anderson Lopes) e Everton Silva (Roberto); Renan Oliveira e Léo Gamalho (André Lima).
Técnico: Gilson Kleina

* Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.