NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Bandeirinha tem dia de fúria, bate em jogador e é banido na Rússia


Reprodução
Musa Kadyrov teve seu dia de fúria e pagou muito caro por isso. O bandeirinha agrediu um jogador durante uma partida do Campeonato Russo de times reservas e foi banido do futebol, em decisão anunciada nesta segunda-feira.
A cena insana ocorreu durante o jogo entre as equipes reservas de Terek e Amkar Perm, disputado neste domingo. Assim que o árbitro encerrou a partida, Kadyrov largou sua bandeirinha, correu para dentro do gramado e bateu em Ilya Krichmar, defensor do Amkar Perm. Veja como foi a agressão:
“O árbitro apitou o fim do jogo e estava caminhando em direção ao banco de reservas da minha equipe quando, de repente, alguém veio por trás, jogou-me no chão e começou a me chutar e dar golpes”, contou Krichmar, de 18 anos. “Os jogadores do Terek se juntaram ao ataque. Alguns acertaram meu pescoço e meu rosto começou a sangrar”, descreveu.
O bandeirinha justificou sua reação destemperada e alegou que o atleta o ofendeu, algo negado por Krichmar. “Não ficamos felizes com a arbitragem. Houve troca de insultos, mas nunca disse qualquer coisa pessoal ou que ofendesse a mãe dele”, defendeu-se o jogador.
Krichmar não sofreu ferimentos graves. “Graças a Deus meus colegas me resgataram. Também agradeço ao Vlasov, do Terek. Nós nos conhecemos das escolinhas de futebol em São Petersburgo e ele me ajudou a escapar”, completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.