NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quarta-feira, 21 de março de 2012

Classe média investe 40% a mais em graduação

 

Mudanças econômicas-sociais recentes no país e crescente percepção de valor do ensino superior estão entre os principais fatores que impulsionam a classe média a investir 40% a mais em educação. O dado faz parte do mais recente levantamento da Ideal Invest.
Constatou-se que o aluno que procura créditos estudantis opta por cursos mais caros do que a média, ou seja, a procura do curso passa a ser pela qualidade percebida e pela realização pessoal. Enquanto os cursos procurados pelos alunos tem mensalidade média de R$ 783,57, a mensalidade média praticada por instituições de ensino superior no Brasil é de R$ 500,11, ou seja, 36,17 % inferior ---segundo dados recentes da Hoper, consultoria especializada em educação. 
“O estudante que contrata um crédito universitário privado é consciente do valor da educação para sua formação. Se preciso for, ele pagará mais para fazer o curso que quiser na instituição que desejar”, revela Carlos Furlan, diretor executivo da Ideal Invest.
De acordo com o especialista, essa diferença é reflexo também das mudanças recentes no país. “Aproximadamente 65% dos nossos estudantes são os primeiros da família a fazer um curso superior. Isso é muito representativo, quando vemos que nossa base (55%) é de pessoas da classe C, a que mais cresceu no país nos últimos oito anos. Foram quase 40 milhões de novos integrantes nesse período”, analisa. 
No Brasil, especialistas da área de educação estimam que existam 6 milhões de pessoas, acima de 18 anos, que poderiam se matricular no ensino superior, mas não o fazem por razões financeiras ou outras de cunho pessoal. De acordo com o Censo da Educação 2010, de cada dez alunos de universidades privadas, três recorrem a alguma forma de auxílio mensal. 

Fonte: Uol
Por Márcio Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.