NOSSO BLOG

NOSSO BLOG

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Pontos da vitória colorada estão 'congelados' até que o STJD avalie a questão. 'Acredito que vamos conseguir o objetivo', afirmou presidente do Verdão, que contesta gol anulado


  • As imagens de Internacional x Palmeiras - (Foto: Ricardo Rímoli)
    Palmeirenses discutem com o árbitro (Foto: Ricardo Rímoli)
    O STJD comunicou que acatou o protesto do Palmeiras e o resultado da partida contra o Inter está suspenso até o julgamento, que deve ser no dia 22 de novembro. Não deve haver tempo de ele entrar na pauta do dia 8, e dia 15 é feriado (o pleno só trabalha às quintas).
    O autor do despacho foi Flávio Zveiter, filho de Luiz Zveiter, ex-comandante do STJD.
    O Verdão reclama de interferência externa, via informações da televisão, após o árbitro Francisco Carlos Nascimento anular um gol de mão de Barcos que tinha sido validado. Inter e Verdão foram notificados e já se manifestaram a respeito do caso. Piraci Oliveira, diretor jurídico, divulgou a informação antes mesmo de informar o departamento de futebol alviverde.
    “O STJD requereu que a partida ficasse suspensa enquanto inicia-se o processo. Os três pontos do Inter, por ora, não estão computados”, declarou Piraci, no Twitter.
    O STJD informou ao LANCENET! que o procedimento é padrão quando se pede a anulação de um jogo. O fato raro, no entanto, causa impacto e faz Piraci festejar o primeiro passo na tentativa de cancelar a derrota por 2 a 1. O gol de Barcos seria o do empate.
    O fato ocorre no fim de uma temporada de insucessos do Verdão nos bastidores. Essa não é a primeira vez que os dirigentes fazem uma reclamação formal contra uma decisão tomada contra o clube, seja pela arbitragem ou pelos procuradores do STJD. Raramente houve algum efeito.
    O presidente Arnaldo Tirone até chegou a ser cobrado em reunião no Conselho Deliberativo na segunda sobre o assunto. Foi questionado sobre a falta de força nos bastidores.
Fonte: LANCENET

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.